Nosso Blog

Confira nossas novidades!

Veja outros Posts

5 mudanças de rotina que você pode fazer ainda hoje para ajudar o Meio Ambiente

5 mudanças de rotina que você pode fazer ainda hoje para ajudar o Meio Ambiente

Hoje é Dia Mundial do Meio Ambiente!

A data, que é celebrada ao redor do globo, visa trazer mais conscientização às questões climáticas e aos problemas ambientais que enfrentamos enquanto sociedade. Pensando nos recentes impactos negativos da civilização no meio ambiente, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) publicou cinco ações pertinentes que qualquer indivíduo pode adotar para ajudar a combater as iminentes Mudanças Climáticas.

Da redução do consumo de carne à compra de alimentos de produtores locais, as sugestões são valiosas alternativas ao nosso atual modo de vida inconsequente, e nocivo à natureza, e melhor ainda, promete trazer-nos ainda mais saúde ao mesmo tempo que colabora com o meio!

Sem delongas, confira as cinco dicas da FAO abaixo, e faça uma mudança de rotina hoje ainda:

 

1. Tenha uma dieta mais sustentável e diversificada

Ao menos uma vez por semana, coma uma refeição 100% vegetariana ou vegana (contendo leguminosas como lentilhas, feijões, ervilhas e grão de bico) ao invés de uma refeição cujo principal componente é carne.

Como já mostramos aqui, são necessários mais recursos naturais para produzir carne, principalmente água, que é desperdiçada aos montes; sem contar, também, os milhões de acres de floresta que são derrubados e queimados para transformar as terras em pastos para gado.

Ao reduzir voluntariamente sua necessidade por carne, a indústria terá a demanda pela mesma reduzida e menos degradações serão infligidas.

 

2. Reduza o desperdício de comida

A cada ano, um terço dos alimentos produzidos é desperdiçado, o que significa que outros recursos, como água, mão de obra e transporte também são levianamente descartados. Para evitar descartes, durante idas ao mercado, faça uma lista cuidadosa e compre somente o que é preciso.

Para que a medida dê certo, é necessário estabelecer receitas e cardápios com antecedência.

Aproveitar sobras e restos também é ok, uma vez que, ao invés de serem jogados fora, eles podem servir de ingredientes para outras receitas ou ser congelados para consumo futuro. Frutas e legumes 'feios' também não devem ser ignorados: apesar de não parecerem perfeitos, eles têm exatamente o mesmo gosto.

 

3. Reduza o desperdício de água

Água é fundamental para nosso bem-estar. Infelizmente, sem ela, é praticamente impossível produzir comida. No entanto, reduzir sua dependência do elemento é, ao contrário do que muitos pensam, possível.

Aos agricultores especificamente: deve-se aprender a utilizar menos água para o crescimento de suas culturas, além de também ser obrigação sua proteger os recursos hídricos do planeta, reduzindo assim o desperdício.

Aos consumidores: quando, novamente, você desperdiça comida, a água que foi utilizada em sua produção também foi, indiretamente, desperdiçada. Banhos mais curtos e regulamento da torneira ao escovar os dentes também são medidas que podem ser facilmente assumidas no dia-a-dia.

Só de curiosidade, você sabe quantos litros de água são necessários para produzir uma única laranja? Cinquenta. Assustador, não é?

 

4. Conserve solos (e água)

Certos resíduos domésticos são potencialmente perigosos e não devem jamais ser descartados em lixeiras comuns. Dentre os itens, estão:

  • Tintas;
  • Celulares;
  • Remédios;
  • Produtos químicos;
  • Fertilizantes;
  • Cartuchos.

Estes são apenas alguns exemplos de resíduos que podem infiltrar o solo se jogados fora de maneira inconsciente e acabar em reservas de água, contaminando, assim, recursos naturais que possibilitam a produção de comida.

E olha que nem falamos do famoso plástico! Estudos apontam que ao menos um terço do plástico produzido no mundo está, hoje, infiltrado no solo.

 

5. Compre de produtores locais!

Agricultores são os mais afetados pelas mudanças climáticas, e estão dentre os grupos vulneráveis que mais precisam de apoio em meio às adversidades.

Ao adquirir sua feira com produtores locais, você auxilia suas famílias e auxilia na manutenção de pequenas empresas do local onde vive; contribuindo, assim, na luta contra a poluição e reduzindo, consequentemente, as distâncias de frete percorridas por caminhões e outros veículos.

 

E aí, vamos começar essa mudança?

 

Fonte: ONU.

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

© Ibracam

by nerit