Nosso Blog

Confira nossas novidades!

Veja outros Posts

Engenheiro cria dispositivo que produz água potável no deserto

Engenheiro cria dispositivo que produz água potável no deserto

Enrique Veiga, um engenheiro espanhol, criou recentemente uma máquina que condensa água da atmosfera e a transforma em água filtrada e potável.

A máquina usa a mesma quantidade de eletricidade que uma máquina doméstica de lavar roupas, sendo capaz de condensar o elemento em 30 graus celsius, com humidade relativa a 17%.

A água gerada é filtrada e, em seguida, estocada, podendo ser utilizada em qualquer momento posterior.

A Aquaer Generators, empresa de Veiga, já patenteou a ideia e está criando 1.500 cópias do dispositivo de Namibia, país da África que vem sofrendo cada vez mais com a falta de água potável disponível:

'Eu comecei a trabalhar neste projeto quase vinte anos atrás', Veiga conta, 'a primeira patente registrada é de 1995, quando uma seca que cruzou toda a Espanha me fez trabalhar duro nisto.'

De acordo com o website da Aquaer, quando o clima está em 30º C, com 60% de humidade, há mais de 16 gramas de água por quilograma no ar.

Quando a temperatura do ar cai abaixo do ponto supracitado, água é criada, similarmente ao processo de chuva.

Induzindo mais ou menos ar, se for o caso, a empresa é capaz de obter as quantidades desejadas de água. A solução funciona até mesmo em regiões adversas, como desertos.

Veiga garante que a máquina não resulta em qualquer poluição e que o custo da criação de água é diretamente relacionado ao custo de energia necessária durante o processo.

Saiba mais detalhes no vídeo abaixo (em espanhol):

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

© Ibracam

by nerit